Seja Bem Vindo ao Universo do Fibromiálgico

A Abrafibro - Assoc Bras dos Fibromiálgicos traz para você, seus familiares, amigos, simpatizantes e estudantes uma vasta lista de assuntos, todos voltados à Fibromialgia e aos Fibromiálgicos.
A educação sobre a Fibromialgia é parte integrante do tratamento multidisciplinar e interdisciplinar ao paciente. Mas deve se estender aos familiares e amigos.
Conhecendo e desmistificando a Fibromialgia, todos deixarão de lado preconceitos, conceitos errôneos, para darem lugar a ações mais assertivas em diversos aspectos, como:
tratamento, mudança de hábitos, a compreensão de seu próprio corpo. Isso permitirá o gerenciamento dos sintomas, para que não se tornem de difícil do controle.
A Fibromialgia é uma síndrome, é real e uma incógnita para a medicina.
Pelo complexo fato de ser uma síndrome, que engloba uma série de sintomas e outras doenças - comorbidades - dificulta e muito os estudos e o próprio avanço das pesquisas.
Porém, cientistas do mundo inteiro se dedicam ao seu estudo, para melhorar a qualidade de vida daqueles por ela atingidos.
Existem diversos níveis de comprometimento dentro da própria doença. Alguns pacientes são mais refratários que outros, ou seja, seu organismo não reage da mesma forma que a maioria aos tratamentos convencionais.
Sim, atualmente compreendem que a síndrome é "na cabeça", e não "da cabeça". Esta conclusão foi detalhada em exames de imagens, Ressonância Magnética Funcional, que é capaz de mostrar as zonas ativadas do cérebro do paciente fibromiálgico quando estimulado à dor. É muito maior o campo ativado, em comparação ao mesmo estímulo dado a um paciente que não é fibromiálgico. Seu campo é muito menor.
Assim, o estímulo dispara zonas muito maiores no cérebro, é capaz de gerar sensações ainda mais potencialmente dolorosas, entre outros sintomas (vide imagem no alto da página).
Por que isso acontece? Como isso acontece? Como definir a causa? Como interromper este efeito? Como lidar com estes estranhos sintomas? Por que na tenra infância ou adolescência isso pode acontecer? Por que a grande maioria dos fibromiálgicos são mulheres? Por que só uma minoria de homens desenvolvem a síndrome?
Estas e tantas outras questões ainda não possuem respostas. Os tratamentos atuais englobam antidepressivos, potentes analgésicos, fisioterapia, psicoterapia, psiquiatria, e essencialmente (exceto com proibição por ordem médica) a Atividade Física.
Esta é a parte que têm menor adesão pelos pacientes.
É dolorosa no início, é desconfortante, é preciso muito empenho, é preciso acreditar que a fase aguda da dor vai passar, trazendo alívio. Todo paciente precisa de orientação médica e/ou do profissional, que no caso é o Educador Físico. Eles poderão determinar tempo de atividade diária, o que melhor se adequa a sua condição, corrige erros comuns durante a atividade, e não deixar que o paciente force além de seu próprio limite... Tudo é comandado de forma progressiva. Mas é preciso empenho, determinação e adesão.
Você pode seguir nossos outros canais de notícias.
Escolha:
Aqui, você pode cadastrar seu e-mail, logo abaixo, na coluna à sua direita.
Ou escolher entre:
WhatsApp
Telegram

Notícias sobre Fibromialgia e Saúde.
Não são grupos interativos.

Discutimos ações em parcerias com pacientes e parlamentares, na busca por políticas públicas que dignifiquem e tragam à tona assuntos e benefícios importantes para nossa qualidade de vida.

TRADUTOR

quarta-feira, 28 de julho de 2021

40 citações que me ajudam quando estou me sentindo ansioso

                      Imagem via Thinkstock.


 Eu amo citações inspiradoras. Eles são especialmente úteis se eu estiver me sentindo para baixo, paralisado, ansioso ou desmotivado.

Citações inspiradoras também me ajudaram a guiar-me nos dias mais sombrios da minha depressão e nos altos e baixos da minha ansiedade, como uma luz guia, segurando minha mão até que eu saísse do outro lado.

Aqui estão alguns dos meus favoritos (40 para ser mais preciso):

1. “A vida não é um ensaio geral. Todos os dias, você deve ter pelo menos um momento requintado. ”- Sally Karioth

2. “Sua visão se tornará clara apenas quando você olhar para o seu coração. Quem olha para fora, sonha. Quem olha para dentro, desperta. ” Carl Jung

3. “Se aprendermos a abrir nossos corações, qualquer um ... pode ser nosso professor.” Pema Chodron

4. “No final, apenas três coisas importam: quão bem vivemos. Como temos amado. Como aprendemos bem a deixar ir. ” Jack Kornfield

5. “Você deve aprender a deixar ir. Libere o estresse. Você nunca esteve no controle de qualquer maneira. " Steve Maraboli

6. “ Se você está passando pelo inferno, continue. ”- Winston Churchill

7. “No momento em que alguém dá atenção a qualquer coisa, até mesmo uma folha de grama, torna-se um mundo misterioso, impressionante e indescritivelmente magnífico em si mesmo.” Henry Miller

8. “Justamente quando a lagarta pensou que o mundo estava acabando, ela se transformou em uma borboleta.” -Provérbio

9. “Nós mesmos sentimos que o que estamos fazendo é apenas uma gota no oceano. Mas o oceano seria menor por causa da gota que faltava. ” Madre Teresa

10. “Quando abandono o que sou, torno-me o que poderia ser.” Lao Tzu

11. “Tudo o que você sempre quis está do outro lado do medo.” George Addair

12. “Sorria, respire e vá devagar.” Thich Nhat Hanh

13. “No final do dia, diga a si mesmo com ternura: 'Eu te amo. Você fez o melhor que pôde hoje, e mesmo que não tenha cumprido tudo o que planejou, eu te amo de qualquer maneira. '”- Anônimo

14. “Todos os nossos sonhos podem se tornar realidade se tivermos a coragem de persegui-los.” Walt Disney

15. “Nenhum ato de bondade, por menor que seja, é desperdiçado.” Esopo

16. “Se você não pode voar, então corra, se você não pode correr, então ande, se você não pode andar, então rasteje, mas faça o que fizer, você tem que seguir em frente.” Martin Luther King Jr.

17. “O homem que move uma montanha começa carregando pequenas pedras.” Confucius

18. “Não se acomode: não termine livros de baixa qualidade. Se não gostar do cardápio, saia do restaurante. Se você não está no caminho certo, saia dele. ” Chris Brogan

19. “Não há nenhuma chance, nenhum destino, nenhum destino, que pode impedir ou controlar a resolução firme de uma alma determinada.” Ella Wheeler Wilcox

20. “Por ser você mesmo, você colocou algo maravilhoso no mundo que não existia antes.” Edwin Elliot

21. “Se você pode sonhar, você pode fazê-lo.” Walt Disney

22. “Eu digo que o passado é um balde de cinzas, então viva não no seu ontem, não apenas para o amanhã, mas no aqui e agora. Continue andando e esqueça as autópsias; e lembre-se, ninguém pode dar um salto no futuro. ” Carl Sandburg

23. “Não tenha medo da vida. Acredite que vale a pena viver a vida, e sua crença ajudará a criar esse fato. ” William James

24. “As limitações vivem apenas em nossas mentes. Mas se usarmos nossa imaginação, nossas possibilidades se tornam ilimitadas. ” Jamie Paolinetti

25. “A bondade inesperada é o agente de mudança humana mais poderoso, menos caro e mais subestimado.” Bob Kerrey

26. “Todas as manhãs nascemos de novo. O que fazemos hoje é o que mais importa. ” Buda

27. “Acredite em você mesmo e em tudo o que você é. Saiba que há algo dentro de você que é maior do que qualquer obstáculo. ” Christian D Larson

28. "Você tem um tesouro dentro de você que é infinitamente maior do que qualquer coisa que o mundo pode oferecer." - Eckhart Tolle

29. “Tente ser um arco-íris na nuvem de alguém.” Maya Angelou

30. “O que está atrás de nós e o que está diante de nós são questões insignificantes em comparação com o que está dentro de nós.” Henry S. Haskins

31. “Às vezes, as coisas ruins que acontecem em nossas vidas nos colocam diretamente no caminho para as coisas mais maravilhosas que já nos acontecerão.” Nicole Reed

32. “A maior arma contra o estresse é a nossa capacidade de escolher um pensamento em vez de outro.” -  William James

33. “Não subestime o valor de Não Fazer Nada, de apenas seguir em frente, ouvir todas as coisas que você não pode ouvir e não se incomodar.” AA Milne

34. “A paz é o resultado de retreinar sua mente para processar a vida como ela é, em vez de como você acha que deveria ser.” Wayne W. Dyer

35. “Deve haver algumas coisas que um banho quente não cura, mas não conheço muitas delas.” Sylvia Plath

36. “Não seja pressionado por seus problemas. Deixe-se levar pelos seus sonhos. ” Ralph Waldo Emerson

37. “Para alívio de ação rápida, tente desacelerar.” Lily Tomlin

38 “Se você não gosta de algo, mude; se você não pode mudar isso, mude a maneira como você pensa sobre isso. ” Mary Engelbreit

39. “Um dia de prazer mantém o estresse longe.” - Ethel Roskies

40. “Cada momento é um novo começo.” TS Eliot


Fonte: https://themighty.com/2016/09/anxiety-depression-quotes/?utm_source=newsletter_mental_health&utm_medium=email&utm_campaign=newsletter_mental_health_2021-07-26&%24deep_link=true&%243p=e_cordial&_branch_match_id=946149619131540989

TRATAMENTO DOR CRÔNICA PELO SUS


 O tratamento se dá com base no PCDT 1083/2012.

Este ano deram início ao processo de Atualização.

O processo teve a participação voluntária de pacientes inscritos.

Neste caso o processo começou em Fevereiro/21 efetivamente.  Era para ser em 2020, mas por causa da pandemia, acabou sendo adiado.

Duas de nós, representamos os pacientes, dando depoimentos, favoráveis ou não, de acordo com a própria experiência, no uso do medicamento em questão.

Tínhamos apenas 10 minutos para isso. Além de respondermos a possíveis perguntas, feitas pelos membros da Convenção (tudo via on line). Ou seja, um paciente tem 10 minutos para levar sua experiência, representando milhões de pacientes.

A esta parte do processo chamam de "Participação Social dentro da Percepção dos Pacientes".

As bases científicas não estão a cargo dos pacientes. Esta fase já havia passado,  sob a responsabilidade de profissionais.

Quem quiser ler os relatório as bases usadas para a tomada de decisão acesse  CONITEC.

Não vamos entrar no mérito quanto a ser justo ou não.

Entraríamos em diversos campos que em nada nos ajudaria. Por exemplo? Política!

O importante é que cada interessado lesse, interpretasse e avaliasse os critérios e os dados utilizados para a tomada de decisão.

Podemos garantir que agimos com clareza, honestidade, e baseadas nas histórias de tantos pacientes, com os quais convivemos diariamente, além das nossas próprias.

Entendam! O tema principal a ser avaliado e, futuramente questionado são os critérios usados para a Atualização dos PCDT's.

Esse é o ponto!

O nome dos medicamentos ou discussões sobre eles, a esta altura nada adianta.

Foquem no objetivo! Os critérios!

Se os interessados estiverem a par do assuntos, será uma discussão muito produtiva.

O texto final do PCDT ainda não foi emitido, pois novos medicamentos estão sob análise do Secretário ainda. 

Findado esse processo, é que poderão reeditar o PCDT com nova redação, que incluirá ou não os medicamentos solicitados.

Nós que participamos não ficamos satisfeitos com o formato usado, para tal processo, por diversas razões.

Para você foi justo esse processo???

Qual sua opinião?

Será um prazer conversarmos sobre o processo e como ele se deu.



5 dicas para gerenciar a névoa do cérebro.

 


Névoa do cérebro - o vernáculo para a nuvem densa que turva nosso pensamento. Parece acompanhar doenças crônicas como o verão segue a primavera. Percebo isso se estabelecendo conforme fico mais cansado ou conforme minha dor aumenta. Mas também posso simplesmente acordar e encontrá-lo ali, pairando como uma nuvem no topo de uma montanha, pairando e atrapalhando minhas tentativas de recordação, pensamento rápido, memória, linguagem, atenção e qualquer coisa que requeira foco.

Parece que muitos dos meus receptores e neurônios (só tive que perguntar à minha esposa como são chamados) não estão disparando, ou talvez estejam se dedicando a negociar sinais sobre doença, desconforto e dor para que não tenham mais nada para cognição. Se eu fosse desenhar um gráfico sobre isso, haveria uma queda acentuada na minha capacidade de pensar, processar, ser espirituoso, criativo, tolerar muita conversa, barulho, interação etc. desde que adoeci. Embora talvez tudo isso não seja atribuível aos fenômenos que chamamos de névoa do cérebro, certamente é afetado por ele e há uma sobreposição significativa. Aqui estão algumas das maneiras que aprendi para compensar a função cerebral limitada causada pela névoa do cérebro .

1. Faça listas.

Listas simples e organizadas fazem parte do que torna minha vida possível. Uma maneira de fazer isso é ter dispositivos Amazon Alexa em casa. Independentemente de como estou me sentindo em um determinado dia, posso usar esses dispositivos com minha voz para adicionar coisas a listas de compras, listas de afazeres e calendários. Posso definir temporizadores e futuros lembretes sonoros. Ser capaz de dizer algo e gravá-lo enquanto penso nisso é muito útil. Antes disso, eu pensava em algo e, na hora em que pegasse uma caneta (ou meu telefone, tablet, papel etc.), já teria esquecido o que queria lembrar. Ser capaz de dar instruções a um alto - falante inteligente controlado por voz fez uma grande diferença para mim.

2. Mantenha um diário.

Outra ferramenta que uso é papel e caneta. No entanto, em vez de ter muitos pedaços de papel aqui e ali pela casa e ter que procurar as coisas quando preciso encontrá-las, mantenho um diário fino e leve comigo pela casa e quando saio. Registro tudo, desde minha dor de enxaqueca diária a livros e filmes que as pessoas recomendam, até anotações que faço quando tenho dúvidas sobre como transferir dinheiro para um IRA em minha cooperativa de crédito.

A chave para transformar isso em uma ferramenta ainda mais útil do que simplesmente um lugar onde registro todas as coisas que não são armazenadas digitalmente é que reservei uma dúzia ou mais de páginas no início do diário para um índice. Então, a cada duas semanas, eu olho o que fiz desde a última indexação, vou para a frente do livro e registro o que está em cada página ou seção (por exemplo: “p. 33 conversa com o Dr. House recente mudança de medicamentos ”“ p. 36, ideias para os próximos tópicos de vídeo ”) dessa forma, posso encontrar as informações novamente olhando no índice. Eu dei um passo adiante e comecei a colocar algumas guias em meu diário para poder navegar por ele com mais facilidade.

3. Registre informações importantes.

Usar a ferramenta de gravação de voz no meu telefone é uma ótima maneira de capturar conversas importantes. Um dos meus visualizadores do YouTube sugeriu recentemente o uso dessa função em consultas médicas. É imperativo que você primeiro peça permissão para fazê-lo, mas que ótima sugestão! Isso permite a participação total de uma forma que simplesmente não é possível se estou tentando fazer anotações e capturar o que estamos discutindo em tempo real. Eu também uso meu gravador de voz quando estou fora de casa e não tenho Alexa para capturar coisas para listas, compromissos de calendário, etc. (embora se eu tiver Wi-Fi, posso fazer tudo isso a partir do aplicativo Alexa ) Eu o uso para capturar ideias que temo que já tenham desaparecido no momento em que tento escrevê-las ou digitá-las, como quando acordo pela primeira vez e tenho um pensamento ou ideia que quero lembrar para mais tarde.

4. Agrupe tarefas importantes.

Outra técnica de combate à névoa do cérebro que tenho é amarrar as coisas em grupos ou pares, então tenho hábitos que funcionam junto com menos coisas para lembrar. Tenho comprimidos que devem ser tomados quatro vezes ao dia. Portanto, eu relaciono outras tarefas a esse hábito. De manhã, eu o conecto com a verificação do meu telefone para qualquer tarefa ou tarefa que eu possa ter definido para mim mesmo, coisas que espero realizar. Se não estou me sentindo bem o suficiente para lidar com eles, eu os movo (eletronicamente) para o dia seguinte para que não caiam no vazio de mim, esquecendo completamente. Com as pílulas noturnas, pego meu diário e registro meu nível de dor de enxaqueca. Nas minhas pílulas para dormir, verifico minha agenda para o dia seguinte para ver se tenho algum compromisso, se tenho carona para esses compromissos, etc.

5. Agende os fundamentos para entrega.

Eu agendo tudo que posso para ser entregue a nós por meio de assinatura. Isso é bastante auto-explicativo, mas leva algum tempo para ser perfeito. Ao longo de alguns meses, aprendi quais artigos secos, de papel, de escritório e domésticos podem ser preparados para entrega e com que frequência os examinamos. Isso ajudou a economizar tempo, energia e dinheiro. Agora temos de tudo, desde chapstick, saboneteira, protetor solar, lenços de papel, vitaminas, aveia e ração para cães, entregues em um cronograma que varia de 1 a 6 meses. Quando penso em algo que precisa ser adicionado à assinatura, digo a Alexa para que, da próxima vez que estiver online, eu possa ver se é algo que posso adicionar à minha assinatura. Em seguida, é uma questão de determinar com que frequência precisamos que o item seja entregue. Eu errei por menos frequentemente e, em seguida, aumentei a frequência conforme necessário.

Não existe um sistema perfeito e eu certamente não tenho todas as torções resolvidas. Muitos dias por mês sinto que a névoa do cérebro e outros sintomas que coincidem com doenças crônicas estão me dominando. Mas hábitos e ferramentas como os detalhados aqui podem fazer a diferença em alguns dias entre sentir que estou conseguindo reservar alguns minutos a mais de tempo de qualidade para mim e meus entes queridos e me sentir como se estivesse mergulhado na névoa que eclipsa.

Fonte: https://themighty.com/2019/10/managing-brain-fog/?utm_source=newsletter_fibromyalgia&utm_medium=email&utm_campaign=newsletter_fibromyalgia_2021-07-26&%24deep_link=true&%243p=e_cordial&_branch_match_id=946149619131540989


segunda-feira, 26 de julho de 2021

A importância de identificar e controlar o absenteísmo nas empresas



 24/07/2021

O absenteísmo é um grave problema enfrentado por muitas empresas. O absenteísmo diz respeito às faltas dos funcionários ao trabalho, por várias razões. Essas faltas influenciam muito na produtividade e por consequência nos resultados da empresa. Com a falta dos funcionários os custos são elevados, a qualidade dos produtos e/ou serviços fica prejudicada, sobrecarrega outros funcionários, além de custos indiretos que muitas vezes não são percebidos pelos gestores.

Por esses motivos, os gestores devem ficar atentos para compreenderem melhor os motivos do absenteísmo e buscar soluções que diminuam as ausências.

Existem vários "sintomas", nas empresas, de que pode estar ocorrendo o absenteísmo em menor ou maior grau. Vou relacionar, aqui, 5 deles que são bem atuais, e que muitas vezes passam desapercebidos pelos gestores que focam outras questões empresariais e negligenciam às questões de saúde e segurança no trabalho.

Os 5 "sintomas" são:

1. Episódios de assédio moral ou sexual entre chefias e funcionários, ou entre funcionários - O assédio pode ser configurado como condutas abusivas exaradas por meio de palavras, comportamentos, atos, gestos, escritos que podem trazer danos à personalidade, à dignidade ou à integridade física ou psíquica de uma pessoa, colocar em perigo o seu emprego ou degradar o ambiente de trabalho. Com isso, pode acontecer a diminuição da autoestima do funcionário assediado; redução na produtividade; licenças médicas frequentes, sensação negativa em relação ao futuro, entre outros, além de possíveis falhas e acidentes que são prejudiciais tanto para o funcionário quanto para a empresa.

2. Descontentamento de funcionários com o clima organizacional - Alinhado ao modo como os funcionários sentem e visualizam o ambiente de trabalho em que estão inseridos, o clima organizacional relaciona-se a esta percepção coletiva do ambiente. Política interna de contratações, promoções e dispensas; costumes e valores da empresa; o tratamento com os clientes externos; a interação entre os funcionários; o respeito às estratégias empresariais; a liderança exercida pelos gestores, são alguns sentimentos em relação à empresa e seu clima organizacional, que estão conectados com a satisfação ou insatisfação dos funcionários. Se a avaliação destes fatores é negativa, certamente é uma das causas do absenteísmo. As empresas mais bem-sucedidas costumam priorizar uma cultura amparada por valores como bem-estar e felicidade dos funcionários através de programas de qualidade de vida.

3. Ausência de ergonomia, levando a doenças ocupacionais - A ergonomia pode dar várias contribuições para melhorar as condições de trabalho. É preciso que todos os escalões da empresa não negligenciem e não entendam que os ambientes ergonomicamente adequados, seja um custo para a empresa. A participação dos diversos escalões administrativos, com a coordenação de um especialista em ergonomia, na formulação de estratégias visando a adequação ergonômica dos ambientes, pode trazer excelentes resultados reduzindo consideravelmente as doenças ocupacionais e por consequência, à redução do absenteísmo. Uma das formas de executar as estratégias é com a realização de reuniões periódicas, de curta duração, com os profissionais, para discutir conceitos, apresentar resultados e mantê-los informados sobre a evolução e os avanços ergonômicos nos ambientes de trabalho.

4. Métodos e processos de trabalho sem segurança - O ponto central da segurança no trabalho é pensar nas pessoas. Por isso, o objetivo é adequar métodos e processos que ao mesmo tempo sejam eficientes e eficazes, sob o ponto de vista da produtividade e sejam seguros para os funcionários vinculados a eles. Os métodos e processos produtivos quando mais seguros, tendem a aumentar a produtividade eliminado desperdícios de paradas indesejáveis. A padronização dos processos, para a segurança no trabalho, define de forma clara as atribuições de cada integrante do processo. Além dos processos seguros, o uso de equipamento de proteção individual - EPI - pelos funcionários, deve ser uma prática difundida, incentivada e cobrada pela empresa. Não cabe ao funcionário decidir se deve ou não usar o EPI. Também, a disposição e o arranjo de equipamentos de proteção coletiva - EPC-, devem ser uma prática empresarial constante. Essas medidas básicas e também com campanhas de conscientização e prevenção para os funcionários, são ações assertivas que impactam positivamente tanto os funcionários, que reconhecem as ações empreendidas, como toda a empresa de forma geral, reduzindo assim o absenteísmo por falta de segurança. A empresa deve mostrar aos funcionários que a segurança no trabalho faz parte de seus valores.

5. Más condições de trabalho - Diferentemente da falta de segurança, mas não menos importante quando se fala de absenteísmo, as más condições de trabalho dizem respeito à alta demanda psicológica, falta de controle sobre a própria função, pressão da chefia, imposição de decisões de forma vertical, falta de apoio/companheirismo dos colegas, condição de muito esforço com baixa recompensa e falta de reconhecimento, são fatores determinantes para o descontentamento e o possível absenteísmo. O funcionário sabe que o empregador tem o direito de exigir dele trabalho, mas tem obrigação de oferecer condições adequadas para a realização desse trabalho. Essas condições adequadas evitam problemas de saúde física e mental do trabalhador. As más condições de trabalho podem gerar aquilo que os especialistas chamam de "fadiga crônica". A fadiga crônica é um estágio avançado de esgotamento físico e mental que afeta de forma constante as funções psicológicas e motoras dos trabalhadores. Com essas funções afetadas, vem o afastamento do trabalho e o absenteísmo se agrava na empresa. A empresa que negligencia um bom ambiente de trabalho para seus funcionários, ignora a qualidade de vida dos trabalhadores.

Pois bem, e tem receita para solucionar esses problemas?

O local de trabalho tem grande influência na assiduidade e pontualidade dos funcionários e equipes. A receita não é milagrosa, mas existem práticas que podem minimizar muito o absenteísmo. Algumas delas são:

a) Fazer um diagnóstico correto quando algum ou alguns dos sintomas aparecerem;

b) Investir no bem-estar dos funcionários como, mobiliário adequado, salas de recreação para os intervalos, espaço de descanso, espaço para atividades físicas, entre outros;

c) Proporcionar treinamentos. Oferecer cursos, palestras com conteúdos relevantes para cada área ou algumas atividades motivacionais também contribuem para manter os funcionários mais motivados com a empresa;

d) Ter Plano de Saúde para os funcionários. As empresas que têm essa condição, certamente podem prevenir muitas situações de doenças, além de reter muitos profissionais talentosos, por causa deste importante benefício;

e) Investir na saúde mental e física dos funcionários. A empresa pode oferecer um benefício corporativo que propicia acesso à academias, incentivando a prática de exercícios físicos, melhorando a qualidade de vida dos funcionários;

f) Definir programas de incentivo à assiduidade. Oferecer alguma recompensa dentro de um programa de incentivo à assiduidade é uma boa prática que as empresas podem adotar. Premiações em bens, dinheiro, viagens ou dia de folga são alguns exemplos que podem ser adotados, sempre com o cuidado de identificar adequadamente o perfil dos recompensados.

Desta forma, observar os sintomas e colocar em prática medidas que possam reduzir/eliminar as causas é um desafio imposto aos gestores. Embora muitas empresas ainda ignoram práticas que melhorem a qualidade de vida dos trabalhadores, ter relações hierárquicas mais harmônicas, buscando o comprometimento dos funcionários com os valores e estratégias empresariais, podem resultar num custo social menor dentro do contexto empresarial. O caminho é sem volta, para a melhora das condições de trabalho nas organizações. Para isso são necessários gestores capacitados e funcionários comprometidos, na busca de uma vida melhor para todos, pois a necessidade e a complexidade que o trabalho alcançou nas últimas décadas, amplia sua importância na relação trabalho/saúde e demanda novas estratégicas na busca de condições mais saudáveis nos ambientes de trabalho.

Mario MelloAdministrador Premium

Professor na Universidade Federal de Santa Maria - UFSM.

Ex Professor de graduação e pós-graduação da FGV/CEEM, IMED, UFN, ULBRA e AMF nos cursos de Administração e Arquitetura. Ex consultor da MADRE Consultoria.

fonte: https://administradores.com.br/artigos/a-import%C3%A2ncia-de-identificar-e-controlar-o-absente%C3%ADsmo-nas-empresas

Manaus/AM: Decon alerta para direitos em planos de saúde e consultas particulares

 


Delegado da Polícia Civil do Amazonas. | Foto: Carlos Soares/SSP-AM

O delegado Eduardo Paixão alerta que qualquer má prestação de serviço 

é passível de reclamação nos órgãos do consumidor e, nos casos mais graves, 

o cidadão deve registrar Boletim de Ocorrência (BO).